Categorias
blog SV eventos Jornalismo em Quadrinhos

Cobertura de eventos de HQ… em quadrinhos! – Alexandre de Maio

As segundas edições da série de debates Caminhos da HQ e da feira Banca de Quadrinistas – eventos que produzi pelo Itaú Cultural em agosto de 2017 – tiveram ainda uma atração especial: uma cobertura feita por Alexandre de Maio, especialista em jornalismo em quadrinhos. Além de acompanhar todos os dias de evento, o artista foi ainda um dos expositores convidados do último dia da Banca.

Categorias
blog SV eventos Itaú Cultural Jornalismo em Quadrinhos

Ocupação Glauco, debates e feira de HQ no Itaú Cultural

O mês de julho será especial para os fãs de quadrinhos no Itaú Cultural. Com diversas atividades nas quais atuo na produção executiva, com destaque para a Ocupação Glauco. Todas com entrada franca.

Ocupação Glauco

Já nesta primeira semana, dia 6/07 (quarta) abre a série de quatro debates Caminhos da HQ, na qual quadrinistas convidados falam de seus trabalhos, seus processos e o mercado. Atuei também na concepção e faço mediação de três dessas conversas, sempre às quartas, às 20h. Diferentes das Quartas ao Cubo, de 2015, serão sempre artistas com duas vivências distintas por dia, que levarão algumas breves HQs inéditas produzidas para o evento. Os debates:

 

  • 6/06 – Viver Quadrinhos – com Marcatti e Klebs Junior, que tratam das possibilidades para quem se propõe a trabalhar com quadrinhos no Brasil

 

  • 13/06 – HQs em Rede – com Carol Rosetti e Fábio Coala, artistas que cultivam fãs online

 

  • 20/06 – A Realidade nas HQs – com Alexandre de Maio e Daniel Esteves. O primeiro, especialista em Jornalismo em Quadrinhos, o segundo, que insere elementos históricos em seus roteiros.

 

  • 27/06 – Representatividade e as HQs – com Ana Recalde e Marcelo D’Salete. Os trabalhos dela, curadora de um selo de quadrinhos feito só por mulheres, e dle, que aborda a questão no negro em suas histórias.

 

Esta é uma programação paralela à Ocupação Glauco, que homenageia o cartunista Glauco Vilas Boas, criador do Geraldão, Geraldinho, Dona Marta, Casal Neuras e muitos outros personagens. O evento inclui uma exposição na sede do instituto, em São Paulo, que segue de 9 de julho até 21 de agosto; uma publicação impressa e um hotsite com material complementar.

 

No próprio dia 9 e também dia 10/07, uma oficina com Gus Morais também foca na nona arte: Brincando de Montar Quadrinhos.

 

Por fim, uma espécie de feira de HQs acontece dias 20 e 27/07: é a Banca de Quadrinistas, na qual artistas convidados e selecionados entre inscritos terão contato direto com o público, mostrando e vendendo seus trabalhos.  

 

Outras informações nos links:

Ocupação Glauco

Caminhos da HQ

Banca de Quadrinistas

Oficina Brincando de Montar Quadrinhos (no Fim de Semana em Família)

Assista também os vídeos da série Quartas ao Cubo, com Mutarelli, Bá, Moon, Garrocho e Diniz

 

Categorias
10 quadrinhos que mudaram minha vida Jornalismo em Quadrinhos

10 Quadrinhos que Mudaram a vida do jornalista Augusto Paim, curador do Encontro Internacional de Jornalismo em Quadrinhos


Conheci Augusto Paim por conta de meu trabalho no Itaú Cultural. De selecionado do programa Rumos Jornalismo Cultural, tornou-se colaborador de diversas ações do instituto. Mas volta e meia nos esbarramos por conta de um interesse comum pelas histórias em quadrinhos. 


É hoje um dos grandes divulgadores do Jornalismo em HQ do país, organizador das duas edições do Encontro Internacional de Jornalismo em Quadrinhos.

Categorias
Jornalismo em Quadrinhos

Sumiço de notebook marca palestra do cartunista Art Spielgman em SP

Era pra ter sido um encontro bacana com o cartunista norte-americano Art Spielgman, autor da premiada graphic novel Maus, em São Paulo (simplesmente uma das 10 que mudaram a minha vida e de muitos leitores de HQ). Mas a palestra da noite desta segunda, 28 de maio, no 4º Congresso Internacional Cult de Jornalismo Cultural foi marcado mesmo pelo sumiço do notebook do palestrante.


Eu estava no congresso e, depois de uns testes com a internet local, tinha resolvido que faria  a cobertura ao vivo, via Twitter e Facebook, como logo anunciei aqui no blog


Terminada a mesa anterior, a maioria das pessoas deixou a sala do evento. Mas antes de ir para o intervalo, fiz algumas fotos enquanto faziam testes, incluindo esta que ilustra o post, na qual ainda se vê o notebook de Spielgman na mesa. 


Voltei para a sala mais próximo do horário da palestra, que começaria às 19h e comecei a postar enquanto aguardava o início. Mas a palestra não começava e se via um movimento nervoso se pessoas de um lado para o outro. Começou a circular um boca a boca logo confirmado pela produção do evento ao microfone: pediram desculpas pelo atraso, mas o notebook do cartunista havia sumido!


Algumas pessoas disseram ter visto um sujeito de azul próximo à mesa, antes de darem pela falta do aparelho. Aparentemente, embora muitos fotografassem por ali, como eu, ninguém tinha feito foto do sujeito (embora tenha ouvido algumas testemunhas dizerem que o reconheceriam se o vissem de novo). Num primeiro momento, a produção acreditava que alguém pudesse ter confundido e pêgo o notebook por engano, mas depois começou a trabalhar com a hipótese de furto mesmo, inclusive se comprometendo a abrir boletim de ocorrência na polícia.


Spielgman ficou visivelmente nervoso, mas foi muito profissional e, graças a um backup da apresentação que carregava num pen drive, pôde  realizar sua palestra. Mas foi uma situação péssima e certamente contará negativamente quando ele pensar novamente em voltar ao Brasil. Parece até que um ladrão anda se especializando em fazer quadrinistas de vítimas, lembrando que Laerte já teve seu acervo roubado neste anoEspero que isso se resolva.


De todo o modo, confira como foi a palestra com Art Spielgman, em tweets:




[<a href=”http://storify.com/saposvoadores/palestra-com-o-cartunista-art-spielgman-autor-de-m” target=”_blank”>View the story “Palestra com o cartunista Art Spielgman, autor de MAUS” on Storify</a>]